06/09/2019, 22h30 | Projecção ao Ar Livre
Cinema na Esplanada
Cluny Brown
O Pecado de Cluny Brown
de Ernst Lubitsch
com Jennifer Jones, Charles Boyer, Richard Haydn, Peter Lawford, Una O’Connor
Estados Unidos, 1946 - 100 min
legendado em português | M/12
Centenário de Jennifer Jones
CLUNY BROWN, último filme de Lubitsch (THAT LADY IN ERMINE foi completado por Preminger), é uma obra corrosiva sobre uma jovem canalizadora que, por via da profissão, conhece um escritor polaco por quem se apaixona. Os tradutores portugueses que acrescentaram o “pecado” ao título lá teriam as suas razões. “Este é o filme de Lubitsch em que a câmara menos se move e em que o vazio ocupa mais lugar. Cineasta tão ligado ao prazer e à carne, é sintomático que tenha terminado filmando o tabu desse prazer e dessa carne, ou o grande escândalo – o pecado – da sua jamais pacífica coexistência” (João Bénard da Costa).
 
07/09/2019, 22h30 | Projecção ao Ar Livre
Cinema na Esplanada
Duel in the Sun
Duelo ao Sol
de King Vidor
com Gregory Peck, Jennifer Jones, Joseph Cotten, Lionel Barrymore, Lillian Gish, Harry Carey
Estados Unidos, 1946 - 129 min
legendado em português | M/12
Centenário de Jennifer Jones
A mais famosa produção de Selznick depois de GONE WITH THE WIND. Também aqui os realizadores se sucederam, mas a marca de King Vidor predomina sobre a breve passagem dos restantes (Sternberg e Dieterle). Há quem diga que o delirante final foi dirigido pelo próprio Selznick, com a intenção de valorizar a personagem de Jennifer Jones. A sensualidade domina este singular western sobre uma mestiça disputada pelos dois filhos de um grande rancheiro do Texas. A narração inicial (sobre Pearl, a “flor selvagem”) é feita por Orson Welles, não creditado no genérico.
 
13/09/2019, 22h30 | Projecção ao Ar Livre
Cinema na Esplanada
Madame Bovary
Madame Bovary
de Vincente Minnelli
com Jennifer Jones, Van Heflin, James Mason, Louis Jourdan
Estados Unidos, 1949 - 114 min
legendado em português | M/12
Centenário de Jennifer Jones
Flaubert por Minnelli, com Jennifer Jones no papel de uma das mais célebres personagens femininas da literatura. A adaptação de Minnelli, típica de Hollywood, foi controversa, levando um crítico francês a escrever: “Há duas espécies de pessoas: as que acham que Madame Bovary é um romance de Flaubert e as que acham que é um filme de Minnelli.” A sequência do baile é um dos mais celebrados momentos do cinema do realizador.
 
20/09/2019, 22h30 | Projecção ao Ar Livre
Cinema na Esplanada
Das Testament des Dr. Mabuse
O Testamento do Doutor Mabuse
de Fritz Lang
com Rudolf Klein-Rogge, Otto Wernicke, Oskar Beregi
Alemanha, 1933 - 108 min
legendado em português | M/12
Luz e Espectros – Cinema de Weimar 1919-1933

A projeção de DAS TESTAMENT DES DR. MABUSE na Esplanada substitui a projeção inicialmente prevista de M (Fritz Lang, 1931). Sendo uma cópia em DCP e não em 35 mm, como previsto, o formato de projeção forçou a alteração.
Segundo filme sonoro de Fritz Lang e a sua última obra na Alemanha, antes da ascensão dos nazis ao poder, O TESTAMENTO DO DOUTOR MABUSE é uma verdadeira alegoria sobre o novo regime, que seria proibida por Goebbels logo após a tomada do poder pelos partidários de Hitler. Lang retoma a personagem que em DR. MABUSE DER SPIELER (1922) deixara num asilo de alienados, e retoma igualmente a do comissário de polícia de M. Através dos seus escritos, verdadeiro manual de terrorismo, um herdeiro de Mabuse dirige um regime de terror e crime a partir do hospital onde está internado. Obra-prima cinematográfica absoluta, O TESTAMENTO DO DR. MABUSE também é uma arrepiante e perene parábola sobre o Mal. “Hoje é impossível acreditar numa intenção antinazi explícita no TESTAMENTO. Mas não há filme que capte a perturbação do tempo com tanta lucidez. Não encontramos em nenhum outro lugar esta energia e esta invenção a todo o momento, ligadas a uma perceção do contemporâneo” (Bernard Eisenschitz).

 
21/09/2019, 22h30 | Projecção ao Ar Livre
Cinema na Esplanada
Tender Is the Night
Terna é a Noite
de Henry King
com Jennifer Jones, Jason Robards Jr., Joan Fontaine, Tom Ewell, Paul Lukas
Estados Unidos, 1961 - 146 min
legendado em espanhol e eletronicamente em português | M/12
Centenário de Jennifer Jones
Último filme de Henry King. Adaptação do clássico romance de F. Scott Fitzgerald, sobre a relação de um brilhante psiquiatra que casa com a paciente que tratara, a rica Jennifer Jones. Uma evocação poética da “geração perdida” de Fitzgerald.