02-03-2015, 15h30 | Sala M. Félix Ribeiro
Discípulos de Griffith
FRIENDLY ENEMIES
de Allan Dwan
com Charles Winninger, Charlie Ruggles, James Craig, Nancy Kelly
Estados Unidos, 1942 - 95 min
legendado eletronicamente em português | M/12

Comédia dramática com a Primeira Grande Guerra por pano de fundo, e a história de dois alemães naturalizados americanos que vivem em Nova Iorque e tomam posições opostas face ao conflito, sendo um deles enredado na teia de um espião alemão. Adaptado de uma peça de Aaron Hoffman e Samuel Shipman, é um dos vários filmes realizados por Dwan nos anos quarenta, uma das seis décadas da sua prolífera filmografia iniciada nos anos dez do século XX.

02-03-2015, 18h00 | Sala Luís de Pina
Nicolas Rey | Realizador Convidado
AUTREMENT, LA MOLUSSIE
de Nicolas Rey
com Peter Hoffmann
França, 2012 - 81 min
legendado em francês e eletronicamente em português | M/12

Entre 1932 e 1936 Günther Anders escreveu um romance político-filosófico e uma alegoria antifascista com o título Die Molussische Katakombe. Instigado por amigos conhecedores da língua alemã, que lhe traduziram fragmentos do livro, Rey acabou por selecionar um conjunto de passagens com um importante significado para os dias de hoje, que combinou com a beleza extrema de um conjunto de paisagens. AUTREMENT, LA MOLUSSIE é um poderosíssimo filme que, como muitos outros de Rey, assenta numa relação complexa que se estabelece entre o som e a imagem. Filmado em película 16mm fora de prazo, apresenta um modo de projeção invulgar que consiste na exibição aleatória das suas nove bobines, pelo que cada visionamento se apresenta como um acontecimento único. Grande Prémio do Festival Cinéma du Réel de 2012 e mostrado no Festival DocLisboa. Primeira exibição na Cinemateca.

02-03-2015, 19h00 | Sala M. Félix Ribeiro
Discípulos de Griffith
SEVEN WOMEN
Sete Mulheres
de John Ford
com Anne Bancroft, Margaret Leighton, Sue Lyon, Flora Robson, Mildred Dunnock, Anna Lee, Betty Field, Eddie Albert, Mike Mazurky
Estados Unidos, 1966 - 85 min
legendado em português | M/12

O último filme de John Ford é também uma das suas obras mais importantes, onde se expõe, com inesperado vigor, aquilo que esteve sempre mais ou menos presente na sua obra: uma atmosfera sensual, marcada pelos estigmas do recalcamento sexual, que no caso se manifesta face à intrusão de um elemento estranho: a uma missão religiosa, formada por mulheres, na China sujeita aos horrores da guerra civil, chega uma médica (Anne Bancroft, numa das suas melhores criações) cuja maneira de ser vai provocar uma crise.

02-03-2015, 21h30 | Sala M. Félix Ribeiro
Comédia Japonesa

Em colaboração com a Embaixada do Japão em Portugal e a Japan Foundation
MANIN DENSHA
“O Comboio Lotado”
de Kon Ichikawa
com Hiroshi Kawaguchi, Chiscy Ryu, Haruko Sugimura
Japão, 1957 - 102 min
legendado em inglês e eletronicamente em português | M/12

Kon Ichikawa (1915-2008), de quem a Cinemateca já mostrou KOKORO / “CORAÇÃO”, NOBI / “FOGOS NA PLANÍCIE”, também dos anos cinquenta, ou o mais tardio SASAME YUKI / “AS IRMÃS MAKIOKA” (83), tornou-se conhecido no ocidente com dois filmes de guerra – NOBI e BIRUMA NO TATEGOTO / “A HARPA BIRMANESA” – e o histórico YUKINOKO HENGE / “A VINGANÇA DE UM ATOR” (63). Ichikawa começou como cartoonista, assumindo como grandes influências do seu cinema Chaplin (em particular THE GOLD RUSH) e Disney. MANIN DENSHA pode ser referido como uma comédia negra, ambientada no Japão do pós Guerra e centrada no quotidiano de um jovem trabalhador dividido entre o dever profissional e a vida privada. Primeira exibição na Cinemateca.