maio de 2020
dstqqss
262728293012
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31123456
PROGRAMA
Ciclos
Pesquisa
CICLO
70 Anos, 70 Filmes 2ª Parte: 35 Histórias do Cinema Contemporâneo (II)


Continuação da segunda parte do Ciclo com que assinalámos os 70 anos da formação da Cinemateca, acrescentando mais 18 “histórias do cinema contemporâneo” às 17 apresentadas em janeiro. O percurso, como então foi explicado, faz-se entre alguns nomes particularmente assinaláveis do cinema contemporâneo, realizadores de obras ainda em construção, muitos deles ainda um tanto “subterrâneos” para o grande público mau grado as provas de estima (da crítica, do circuito dos festivais) que têm recebido. De Valeska Grisebach a Wang Bing, passando pela África de Abderrahmane Sissako ou pelo Brasil de André Novais Oliveira, um passeio pela diversidade do cinema que se faz nos nossos dias, um contacto com “histórias”, intrinsecamente ricas, do cinema contemporâneo.
 
 
27/02/2019, 21h30 | Sala M. Félix Ribeiro
Ciclo 70 Anos, 70 Filmes 2ª Parte: 35 Histórias do Cinema Contemporâneo (II)

San Zimei / Three Sisters
Três Irmãs
de Wang Bing
China, 2012 - 160 min
 
28/02/2019, 15h30 | Sala M. Félix Ribeiro
Ciclo 70 Anos, 70 Filmes 2ª Parte: 35 Histórias do Cinema Contemporâneo (II)

Sud Pralad / Tropical Malady
de Apichatpong Weerasethakul
França, Tailândia, Itália, 2004 - 118 min
27/02/2019, 21h30 | Sala M. Félix Ribeiro
70 Anos, 70 Filmes 2ª Parte: 35 Histórias do Cinema Contemporâneo (II)
San Zimei / Three Sisters
Três Irmãs
de Wang Bing
China, 2012 - 160 min
legendado em português | M/12
Uma das grandes revelações do cinema do século XXI chinês, Wang Bing tem assinado poderosíssimos retratos da vida na China contemporânea, sobretudo em zonas remotas e esquecidas pela grande modernização urbana. Em THREE SISTERS estamos numa desolada região montanhosa de Yunan, seguindo a vida de três raparigas ainda menores, que vivem sozinhas e trabalham nos campos circundantes. A chegada do pai, que as quer levar para a cidade, introduz uma vacilação no registo: onde acaba o documento e começa a ficção? Primeira exibição na Cinemateca.
 
28/02/2019, 15h30 | Sala M. Félix Ribeiro
70 Anos, 70 Filmes 2ª Parte: 35 Histórias do Cinema Contemporâneo (II)
Sud Pralad / Tropical Malady
de Apichatpong Weerasethakul
com Banlop Lomnoi, Sakda Kaewbuadee, Sirivech Jareonchon
França, Tailândia, Itália, 2004 - 118 min
legendado eletronicamente em português | M/12
Filmado em duas partes, SUD PRALAD (ou, como é internacionalmente mais conhecido, TROPICAL MALADY) começa como uma sensual história de amor e termina noturno com uma caça ao homem pela selva tropical, combinando o lirismo e a magia numa abordagem radical que explora os mecanismos da memória e convida o espectador a uma experiência encantatória. Foi o filme eleito pelos Cahiers du cinéma como o melhor de 2004 e o que consagrou Apichatpong Weerasethakul, um dos mais importantes cineastas asiáticos da atualidade.