25/11/2022, 15h30 | Sala M. Félix Ribeiro
Louis Malle – O Rebelde Solitário

A Cinemateca com a Festa do Cinema Francês
Pretty Baby
Menina Bonita
de Louis Malle
com Brooke Shields, Keith Carradine, Susan Sarandon
Estados Unidos, 1978 - 105 min
legendado eletronicamente em português | M/16
PRETTY BABY é o filme que inaugura o período americano da carreira de Malle e tem como protagonista Brooke Shields, então com apenas doze anos. A ação é situada em 1917 num bordel na Nova Orleãs, onde a protagonista vive com a sua mãe que ali exerce a mais antiga profissão do mundo, à qual ela própria será iniciada. Malle organizou o filme à volta de três eixos: o bordel; a presença do jazz, que nasceu na Nova Orleãs na passagem do século XIX para o século XX; a presença de um fotógrafo, inspirado na figura real de um profissional que fotografara as prostitutas da cidade e se apaixona pela garota. Isto dá uma dimensão suplementar ao filme, que vai além da mera descrição daquele meio: a sobreposição e a troca de olhares, o de um fotógrafo que capta o de uma garota que, por sua vez, olha para o espectador. Primeira apresentação na Cinemateca.

consulte a FOLHA DA CINEMATECA aqui
25/11/2022, 18h30 | Sala M. Félix Ribeiro
A Propósito da Exposição Resistência Visual Generalizada
25
de Celso Luccas, José Celso
Moçambique, 1977 - 140 min | M/16
sessão apresentada por Raquel Scheffer e Catarina Boieiro
Realizado pelos realizadores brasileiros Celso Luccas e José Celso, 25 fez parte de uma iniciativa do Instituto Nacional de Cinema de Moçambique para consolidar uma imagem nacional do país após a sua independência. Este documentário parte das comemorações da libertação na noite de 25 de Junho de 1975 para construir um pensamento sobre os conflituosos processos de libertação, através de uma exploração que percorre toda a história da resistência do povo moçambicano ao longo das diversas fases de colonização, massacres e guerras contra o exército português. Primeira apresentação na Cinemateca.
 
25/11/2022, 19h30 | Sala Luís de Pina
A Cinemateca oom o InShadow
Autopsy: Journey of a Creation | Irmãos
duração total da projeção: 102 min | M/12
com a presença dos realizadores
AUTOPSY: JOURNEY OF A CREATION
de Henrique Pina
com Companhia Olga Roriz
Portugal, 2021 – 53 min

IRMÃOS
de Miguel C. Tavares
com Victor Hugo pontes, Dinis Duarte, Paulo Mota, Valter Fernandes
Portugal, 2022 – 49 min

Sessão composta por dois documentários sobre a criação artística no contexto da dança contemporânea portuguesa. Realizado a pretexto do 25º aniversário da companhia Olga Roriz, AUTOPSY: JOURNEY OF A CREATION acompanha a preparação da sua última peça, Autopsy, abrindo um acesso privilegiado aos seus métodos de criação coreográfica. IRMÃOS faz um registo da criação e preparação da interpretação de Os Três Irmãos, peça original de Gonçalo M. Tavares seguindo um desafio de Victor Hugo Pontes. Mostrando de forma próxima o trabalho desse coreógrafo com os bailarinos Dinis Duarte, Paulo Mota e Valter Fernandes, o filme reflete intima e detalhadamente os processos inscritos na construção da linguagem coreográfica numa relação intertextual com a obra literária.

consulte a FOLHA DA CINEMATECA aqui
25/11/2022, 21h30 | Sala M. Félix Ribeiro
Louis Malle – O Rebelde Solitário

A Cinemateca com a Festa do Cinema Francês
Damage
Relações Proibidas
de Louis Malle
com Jeremy Irons, Juliette Binoche, Miranda Richardson, Rupert Graves
Grã-­Bretanha, 1992 - 110 min
legendado em português | M/16
Realizado em Londres, DAMAGE adapta o primeiro romance de uma produtora de teatro, que Malle considerou medíocre do ponto de vista literário, mas cuja trama central o interessou: a violenta paixão sexual entre um homem de meia-­idade e a noiva do seu filho. A rodagem teve lugar em condições desfavoráveis, parcialmente devidas à degradação do estado de saúde de Malle e sobretudo à arrogante atitude de Jeremy Irons, que não considerou Juliette Binoche digna de contracenar com ele e só moderou um pouco a sua hostilidade depois de Malle lhe mostrar algumas rushes. O filme conta ainda com uma excelente presença de Leslie Caron, como guest star no papel da elegante mãe da personagem feminina.