janeiro de 2020
dstqqss
2930311234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930311
2345678
PROGRAMA
Ciclos
Pesquisa
14/01/2020, 15h30 | Sala M. Félix Ribeiro
Revisitar os Grandes Géneros: A Comédia (Parte I)

Os Reis da Comédia
The Bellboy
Jerry no Grande Hotel
de Jerry Lewis
com Jerry Lewis, Alex Gerry, Bob Clayton, Sonnie Sands
Estados Unidos, 1960 - 72 min
legendado eletronicamente em português | M/12
A primeira longa-metragem de Jerry Lewis é, também, um dos melhores filmes que dirigiu. THE BELLBOY é um filme sem argumento e quase sem palavras, constituído por uma série de gags à volta das andanças de um paquete de hotel de Miami, seus problemas com os clientes e o encontro com uma vedeta do espectáculo chamada…Jerry Lewis!
 
14/01/2020, 18h30 | Sala Luís de Pina
Revisitar os Grandes Géneros: A Comédia (Parte I)

Os Reis da Comédia
The Smiling Lieutenant
O Tenente Sedutor
de Ernst Lubitsch
com Maurice Chevalier, Miriam Hopkins, Claudette Colbert, Charlie Ruggles, Elisabeth Patterson
Estados Unidos, 1931 - 84 min
legendado electronicamente em português | M/12
Um dos mais brilhantes filmes de Lubitsch, onde Maurice Chevalier é um aristocrático e galante tenente de cavalaria de um imaginário reino da Europa Central, apaixonado por uma violinista, mas forçado a casar com uma princesa. A primeira tem bastante mais prática do que a segunda, mas entre as duas estabelece-se uma grande cumplicidade, num processo de transferência em que o estilo de Lubitsch (com as suas elipses e subentendidos) faz maravilhas. “As raparigas que começam pelo pequeno-almoço não costumam ficar para o jantar”, diz-se num dos diálogos. Por conseguinte, trata-se de fazer triunfar o prazer pessoal, fingindo aceitar a moral convencional. A apresentar em cópia digital.
 
14/01/2020, 19h00 | Sala M. Félix Ribeiro
Revisitar os Grandes Géneros: A Comédia (Parte I)

Os Reis da Comédia
The Great Dictator
O Grande Ditador
de Charles Chaplin
com Charles Chaplin, Paulette Goddard, Jack Oakie, Reginald Gardiner, Henry Daniell, Billy Gilbert
Estados Unidos, 1940 - 124 min
legendado eletronicamente em português | M/12
Charlot entra em guerra contra o fanatismo e a intolerância, e aparece pela última vez no ecrã no papel de um barbeiro judeu que tem um sósia. Nem mais nem menos do que o ditador do país, Adenoid Hynkel (e a referência não podia ser mais transparente). Um dia é confundido com ele e vai fazer um discurso às massas. Portugal esperou anos para ver este filme, de exibição então considerada pouco condicente com a “neutralidade” do nosso país. A apresentar em cópia digital.
 
14/01/2020, 21h30 | Sala M. Félix Ribeiro
As Variações de Hong Sang-Soo (conclusão)
Grass
de Hong Sang-soo
com Kim Min-hee, Kee Joobong, Ahn Jae-hong, Jung Jin-young, Kim Sae-byeok
República da Coreia, 2017 - 66 min
legendado em inglês e eletronicamente em português | M/12
“Como estás? / Estive a beber. / Eu também.” Numa mesa de canto de um café algures num beco de Seul em que se ouve Schubert, Wagner, Offenbach, uma rapariga (Kim Min-hee no papel de Areum) escreve no seu computador portátil enquanto vai escutando, ao longe, as conversas de três pares em mesas à sua volta: uma mulher de partida para a Europa acusa o rapaz com quem fala de estar na origem de uma tragédia recente; um ator em apuros tenta persuadir a amiga a ficar em casa dela; um realizador-ator narcísico aborda uma jovem escritora para a escrita de um novo argumento. As conversas – três situações dramáticas entre homens e mulheres – são filmadas em longos planos-sequência. A rapariga-observadora, ela própria a braços com um dilema que não consegue olhar com clareza, é incluída no curso da ação por planos panorâmicos e de corte. Uma complexa representação das possibilidades narrativas a partir de um dispositivo aparentemente simples e espacialmente concentrado. Primeira exibição na Cinemateca.