agosto de 2020
dstqqss
2627282930311
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
303112345
PROGRAMA
Ciclos
Pesquisa
CICLO
Centenário Merce Cunningham


Num ano em que se comemoram os 100 anos do nascimento de Merce Cunningham (1919-2009), a Cinemateca associa-se ao Festival InShadow para a realização de duas sessões consagradas à obra deste marcante coreógrafo e bailarino norte-americano que, ao longo de sete décadas, expandiu as fronteiras da dança em articulação com a música e as artes visuais. Se o modernista trabalho coreográfico de Merce Cunningham foi desde cedo registado pelo cinema, ele próprio teve um papel muito ativo na produção de inúmeras obras audiovisuais colaborativas realizadas em parceria com cineastas, músicos e artistas, como John Cage (o seu companheiro de muitos anos, com quem começou a trabalhar ainda nos anos 1940), Charles Atlas, Nam June Paik, Jasper Johns, Andy Warhol, Richard Leacock ou D.A. Pennebaker, que tiveram um papel determinante em muitas das criações da Merce Cunningham Dance Company. Pioneiro da vídeo-dança, o trabalho que realizou em cinema e em vídeo, especialmente a partir do final dos anos 1960, teve profundas influências no seu pensamento coreográfico, devido à exploração de características próprias desses meios como os movimentos de câmara, ou questões de ritmo, montagem, relações entre a imagem e o som, confronto de escalas, etc. Um programa tornado possível pela colaboração com a Merce Cunningham Trust e a REDIV, de que faz parte o Festival InShadow. Será ainda realizada, na Cinemateca Júnior, uma sessão em parceria com o serviço educativo do Festival, o “LittleShadow”.
 
 
03/12/2019, 18h30 | Sala Luís de Pina
Ciclo Centenário Merce Cunningham

Rainforest | 498, 3rd Ave.
duração total da projeção: 110 min | M/12
 
05/12/2019, 18h30 | Sala Luís de Pina
Ciclo Centenário Merce Cunningham

Assemblage | Beach Birds for Camera
duração total da projeção: 86 min | M/12
03/12/2019, 18h30 | Sala Luís de Pina
Centenário Merce Cunningham

em colaboração com o InShadow– Lisbon Screendance Festival
Rainforest | 498, 3rd Ave.
duração total da projeção: 110 min | M/12
RAINFOREST
de Richard Leacock, D.A. Pennebaker
Estados Unidos, 1968 – 27 min / legendado em português
498, 3RD AVE.
de Klaus Wildenhahn
Estados Unidos, 1967 – 83 min / legendado em português

Em RAINFOREST, o espetáculo de dança homónimo de Merce Cunningham (com música de David Tudor, cenários de Andy Warhol e Jasper Johns, e direção musical de John Cage) é filmado por Richard Leacock e D.A. Pennebaker na sua primeira performance no 2nd Buffalo Festival of the Arts, a 9 de março do ano de 1968. Um misto de arte experimental, música, dança e documentário. 498, 3RD AVE. acompanha os primeiros tempos da Merce Cunningham Dance Company. Centrado na preparação do espetáculo Scramble, revela a rotina diária dos bailarinos bem como muitos outros aspetos da criação artística. Inclui excertos de uma performance que teve lugar em junho de 1967, com música dos Velvet Underground. Primeiras exibições na Cinemateca, a apresentar em cópias digitais.
 
05/12/2019, 18h30 | Sala Luís de Pina
Centenário Merce Cunningham

em colaboração com o InShadow– Lisbon Screendance Festival
Assemblage | Beach Birds for Camera
duração total da projeção: 86 min | M/12
ASSEMBLAGE
de Richard Moore
Estados Unidos,1968 – 58 min / sem legendas
BEACH BIRDS FOR CAMERA
de Elliot Caplan
Estados Unidos,1993 – 28 min / sem diálogos

ASSEMBLAGE é um filme dado como perdido e redescoberto depois da morte de Merce Cunningham, centrando-se num desejo de explorar as possibilidades do cinema, nomeadamente da imagem, do som, e da montagem, enquanto veículo de redescoberta da performance de dança. ASSEMBLAGE resultou de uma colaboração entre Cunningham e o realizador e antigo bailarino Richard Moore e apresenta Cunningham e a sua companhia a dançarem na Ghirardelli Square de São Francisco em 1968. Um trabalho produzido para a televisão, que cruza os movimentos de uma zona da cidade em rápida transformação com os movimentos dos bailarinos. Realizado já nos anos 1990, BEACH BIRDS FOR CAMERA é a adaptação ao cinema de uma coreografia original de Cunningham, numa colaboração deste com Elliot Caplan, acompanhada pela composição Four3 de John Cage. Filmado em vídeo em dois cenários distintos – a primeira parte a preto e branco, e a segunda a cores, BEACH BIRDS FOR CAMERA é uma das mais importantes obras de “vídeo-dança” do coreógrafo. Primeiras exibições na Cinemateca, a apresentar em cópias digitais.