maio de 2020
dstqqss
262728293012
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31123456
PROGRAMA
Ciclos
Pesquisa
CICLO
In Memoriam Stanley Donen


Falecido a 21 de fevereiro deste ano, é impossível falar do musical e, por extensão, do cinema norte-americano sem falar de Stanley Donen. Grande responsável por ter transformado um género de cinema (filmes com “números cantados”) num género intrinsecamente cinematográfico, o musical, aos olhos de Donen, deixou de ser uma performance cantada e coreografada, em cima de um palco filmado, para se confundir com o movimento da própria vida: isto é, com danças e músicas a surgir de qualquer lugar reconhecidamente realista e elevando-o, depois, para uma dimensão irreal, fantasista, ou simplesmente apaixonada, onde são os sentimentos que determinam a verdadeira ordem do dia a dia e as personagens deixam de obedecer às regras e constrangimentos de um argumento para seguir, por outro lado, aquilo que a fantasia do próprio filme lhes promete para as suas vidas. Melhor exemplo não existirá do que um dos filmes mais celebrados da história do cinema: SINGIN' IN THE RAIN (1952), onde um grupo de atores do cinema mudo, atirado para o desemprego, apodera-se das possibilidades do som e da cor para impor a música e a dança como nova regra de expressão para a vida e para o novo cinema que surge nas salas. Essa histórica colaboração com Gene Kelly, outro nome fundamental do musical norte-americano, tinha sido antecedida por outro clássico: ON THE TOWN (1949), onde Hollywood leva as suas estrelas (entre as quais Gene Kelly e Frank Sinatra) para as ruas de Nova Iorque, fazendo com que a cidade fosse ocupada pela magia e pelo potencial que o musical oferecia às nossas vidas. Donen faria outros trabalhos com Kelly antes de começar a assinar sozinho as suas coreografias e a realização dos seus filmes, ocupando as ruas de Paris com FUNNY FACE (1957), inesquecível musical com Audrey Hepburn e Fred Astaire, ou noutros filmes, a partir da década de 60, em que a música dá lugar ao romance e à aventura, como CHARADE (1963), com Cary Grant e Hepburn, e TWO FOR THE ROAD (1967), com Albert Finney (também recentemente falecido, a 7 de fevereiro) e Hepburn, de novo. A Cinemateca exibe, em sua homenagem (fruto de uma retrospetiva realizada em maio de 2012 e de sessões regulares de alguns dos seus filmes), algumas das suas obras que menos exibições tiveram, na carreira do realizador, nas nossas salas.
 
 
01/04/2019, 15h30 | Sala M. Félix Ribeiro
Ciclo In Memoriam Stanley Donen

Indiscreet
Indiscreto
de Stanley Donen
Estados Unidos, 1958 - 98 min
 
02/04/2019, 19h00 | Sala M. Félix Ribeiro
Ciclo In Memoriam Stanley Donen

Seven Brides for Seven Brothers
Sete Noivas para Sete Irmãos
de Stanley Donen
Estados Unidos, 1954 - 94 min
03/04/2019, 19h00 | Sala M. Félix Ribeiro
Ciclo In Memoriam Stanley Donen

Charade
Charada
de Stanley Donen
Estados Unidos, 1963 - 107 min
05/04/2019, 15h30 | Sala M. Félix Ribeiro
Ciclo In Memoriam Stanley Donen

Seven Brides for Seven Brothers
Sete Noivas para Sete Irmãos
de Stanley Donen
Estados Unidos, 1954 - 94 min
05/04/2019, 21h30 | Sala M. Félix Ribeiro
Ciclo In Memoriam Stanley Donen

Indiscreet
Indiscreto
de Stanley Donen
Estados Unidos, 1958 - 98 min
01/04/2019, 15h30 | Sala M. Félix Ribeiro
In Memoriam Stanley Donen
Indiscreet
Indiscreto
de Stanley Donen
com Cary Grant, Ingrid Bergman, Cecil Parker, Phyllis Calvert
Estados Unidos, 1958 - 98 min
legendado eletronicamente em português | M/12
Stanley Donen procura recuperar o espírito da comédia sofisticada da idade de ouro de Hollywood. E, para isso, vai buscar o intérprete de eleição do género, Cary Grant, dando-lhe, de novo, como par, a sua companheira do genial NOTORIOUS, Ingrid Bergman. Neste brilhante exercício de sofisticação, Grant interpreta um papel que lhe cai como uma luva: um playboy maduro que se apaixona por uma caprichosa atriz de teatro, mas receia comprometer-se.
 
02/04/2019, 19h00 | Sala M. Félix Ribeiro
In Memoriam Stanley Donen
Seven Brides for Seven Brothers
Sete Noivas para Sete Irmãos
de Stanley Donen
com Howard Keel, Jane Powell, Jeff Richards, Russ Tamblyn, Julie Newmar
Estados Unidos, 1954 - 94 min
legendado eletronicamente em português | M/6
SEVEN BRIDES FOR SEVEN BROTHERS é um clássico de título famoso, inspirado na lenda romana do Rapto das Sabinas. A história, a de sete irmãos, pioneiros do velho Oeste que, vivendo numa região desértica, resolvem arranjar noivas raptando as raparigas de uma aldeia próxima. As canções de Adolph Deutsch e Saul Chaplin e a coreografia endiabrada de Michael Kidd contribuíram para o sucesso do filme.
 
03/04/2019, 19h00 | Sala M. Félix Ribeiro
In Memoriam Stanley Donen
Charade
Charada
de Stanley Donen
com Cary Grant, Audrey Hepburn, Walter Matthau, James Coburn, George Kennedy
Estados Unidos, 1963 - 107 min
legendado eletronicamente em português | M/6
Um fabuloso “divertimento”, diretamente inspirado em Hitchcock, a quem vai mesmo buscar o seu ator de eleição, Cary Grant, num irresistível jogo de simulações e romance ao lado de Audrey Hepburn, e que é também um notável exercício de suspense, não indigno do mestre, pelo que o filme ficou conhecido como “the best Hitchcock movie that Hitchcock never made”. Um grande sucesso de Donen.
 
05/04/2019, 15h30 | Sala M. Félix Ribeiro
In Memoriam Stanley Donen
Seven Brides for Seven Brothers
Sete Noivas para Sete Irmãos
de Stanley Donen
com Howard Keel, Jane Powell, Jeff Richards, Russ Tamblyn, Julie Newmar
Estados Unidos, 1954 - 94 min
legendado eletronicamente em português | M/6
SEVEN BRIDES FOR SEVEN BROTHERS é um clássico de título famoso, inspirado na lenda romana do Rapto das Sabinas. A história, a de sete irmãos, pioneiros do velho Oeste que, vivendo numa região desértica, resolvem arranjar noivas raptando as raparigas de uma aldeia próxima. As canções de Adolph Deutsch e Saul Chaplin e a coreografia endiabrada de Michael Kidd contribuíram para o sucesso do filme.
 
05/04/2019, 21h30 | Sala M. Félix Ribeiro
In Memoriam Stanley Donen
Indiscreet
Indiscreto
de Stanley Donen
com Cary Grant, Ingrid Bergman, Cecil Parker, Phyllis Calvert
Estados Unidos, 1958 - 98 min
legendado eletronicamente em português | M/12
Stanley Donen procura recuperar o espírito da comédia sofisticada da idade de ouro de Hollywood. E, para isso, vai buscar o intérprete de eleição do género, Cary Grant, dando-lhe, de novo, como par, a sua companheira do genial NOTORIOUS, Ingrid Bergman. Neste brilhante exercício de sofisticação, Grant interpreta um papel que lhe cai como uma luva: um playboy maduro que se apaixona por uma caprichosa atriz de teatro, mas receia comprometer-se.